Estamos com fome de amor.

by - agosto 28, 2009

Todo mundo tem fome de alguma coisa. Fome de comida, de vingança, de alegria, de vida. Eu tenho fome de amor, e acho que além de mim, existem dúzias por aí que estão na mesma situação. As vezes eu me pergunto 'onde foi parar o amor que eu deixei na geladeira?'. Guardei achando que ia conservar e durar por mais tempo, e acabei descobrindo que amor não precisa de conservantes, ele dura o tempo que tiver que durar. A gente sempre insiste em prolongar as coisas, e na maioria das vezes, elas nem fazem sentido. Porque todo mundo prolonga uma briga, mas não prolonga um beijo? Como diria Chico Buarque em uma de suas canções: "Pela minha lei, a gente era obrigado a ser feliz.." Acho que finalmente entendi que felicidade não depende de sentar e esperar que ela bata na porta. Felicidade depende basicamente de correr atrás; fazer escolhas certas, se arriscar e principalmente, não ter medo de ser tocado no coração, acreditar no amor é a única saída pra ser feliz. Cansei de presenciar tanta superficialidade, não vejo nada de marcante nos 'amores' de hoje em dia, poucos trazem as características de um verdadeiro sentimento. Quero o âmago, o profundo, o puro, o desconhecido. O amor em sua mais pura essência. E assim, quero saciar a fome de muitos que dormem todos os dias sem ter o alimento que tanto desejam, aquele capaz de bastar todas as agonias em apenas uma dose.
Nós somos o amor, e antes de mais nada, devemos acreditar na força daquilo que somos.

Boa noite.

You May Also Like

3 comentários

  1. Você disse tudo!!! Adorei!!!
    Procuramos as coisas nos lugares mais impróprios. E amar, não é pra qualquer um!

    ResponderExcluir
  2. Own.. Texto maravilhoso, Larii.. Fico feliz de ser alimentada por seu amor e sua luz todos os dias ;)

    ResponderExcluir

Não vá embora ainda. Divida algo comigo. E obrigada por chegar até aqui! :)