Recalques.

by - setembro 27, 2009


Todo mundo tem seu recalque, a vida é feita disso. Eu já andei, corri, rodei, meu corpo já foi e voltou várias vezes por muitos lugares, mas meu coração continua aqui. Imóvel, insosso, inconstante. Falta tanta coisa e, ao mesmo tempo, sobra tanta coisa. Sobra tanto arrependidmento, tanto medo, tanta saudade.. falta afeto, falta verdade, falta calor.
Sentimento sem nome, expectativa sem rumo. Seja lá o que for, dói. Sangra todos os dias, como uma ferida que se orgulha de estar aberta. Não tenho orgulho de nada disso, não gosto de ser assim, não gosto de escrever sobre isso.
Mas eu sei, não tarda, o sol vai voltar à iluminar, enquanto os sentimentos se escondem sobre nuvens, até que a próxima tempestade deixe recair sobre mim, tudo aquilo que se perdeu por entre a imensidão do céu azul.


"Mas é claro que o sol vai voltar amanhã, MAIS UMA VEZ, eu sei!
escuridão já vi pior de endoidecer gente sã, espera que o sol já vem.."

You May Also Like

7 comentários

  1. Não tenho esperado mais o sol amanhacer pra fazer com que as coisas melhorem. Não sei, ele é tão incerto quanto eu..
    Mas, nada com um segundo após o outro e outro.. e outro.

    Beijos, boa semana (com muito sol pra você)!

    ResponderExcluir
  2. normalíssimo essas "Pausas" rsrs, pra depois continuarmos com maior pique, rs
    boa semana

    ResponderExcluir
  3. "A cada manhã as misericórdias se renovam" :)

    Tem um seliho pra vc no meu blog!
    Fica com Deus! :*

    ResponderExcluir
  4. "Mas eu sei, não tarda, o sol vai voltar à iluminar..."

    volta sim, questão de tempo!
    ^^

    ResponderExcluir
  5. Muito legal o texto.
    Gostei muito.
    E essa música do Renato Russo é muito legal. Gosto muito.
    :*

    ResponderExcluir

Obrigada por chegar até aqui. Não vá embora sem dividir algo comigo.