Brilha, brilha estrelinha

by - agosto 04, 2010


Talvez a vida seja como o vento, e nós, um bucado de purpurina solta nele. Deixa soprar, deixa o destino comandar a brisa, os dias correrem. E no fim, estaremos coroados pelo próprio brilho de existir.

You May Also Like

1 comentários

  1. larissa,
    todas as culturas ensinam nos a ser submissos a umpoder maior, eu creio em Deus outros em destino, ambos que não pertence a eles sua vida.

    ResponderExcluir

Não vá embora ainda. Divida algo comigo. E obrigada por chegar até aqui! :)