Indefinidamente.

by - fevereiro 05, 2011

Sempre nos falta alguma coisa. Um não sei o que, um não sei quando, um não sei onde. Uma saudade, um sopro, um adeus. Sempre sobra uma saudade e um vento frio do lado. A imensidão do mundo nos faz sentir cada vez mais só e as asuências instantâneas nos tiram o sono, a sobriedade, o equilíbrio. Entre bêbados, sóbrios e equilibristas, sobrevivemos sendo mais ferro do que carne, mais osso do que coração, mais cabeça do que ouvido, boca, olhos. O valor que muita vezes nos falta na carteira é compensado por outros corações, as palavras que calamos e as verdades que guardamos são sempre usadas pelos outros contra ou a favor de nós. Ausentes e presentes. Partidas e chegadas, distâncias que nem sempre significam uma longa estrada de separação, mas muitas vezes o breve espaço de uma respiração

You May Also Like

10 comentários

  1. difícil conviver com a indefinicão, que conseqüentemente tras a dúvida...e outras coisas mais sérias...

    http://guilg7.blogspot.com/

    vlw....

    ResponderExcluir
  2. Larissa,
    Teu fragmento me trouxe duvidas e inquietações. é verdade que sempre nos falta algo e quando temos muita transborda o que jamais nos deixa satisfeitos com a vida.
    Gostei da parte em que afirma que o que nos falta na carteira completa no coração. No mundo consumista de hoje isto deveria ser uma verdade.

    ResponderExcluir
  3. Simplesmente perfeito, alias todos seus posts são perfeitos e falam muiiito comigo, realmente amo vir aqui ler seus textos! É verdade, sempre falta algo... e tem coisas que não conseguimos entender...

    Fiquei muito feliz por vc tbm e dar os parabens por vc ter seu nome nas listas, é uma sensação maravilhosa... porem como vc msm disse, não é só isso... isso é apenas o começo, pois agora vem as lutas e estudos. Mas se Deus qser dará tudo certo!

    Beijoss

    ResponderExcluir
  4. Lariiii,

    Que lindo texto menina... melhor do que lindo é a verdade que existe nele!
    Eu sempre digo que... Caio F, Martha Medeiros, Thato Bernardi falam por mim... Mas hj neste texto posso dizer que "Ana Larissa falou por mim"


    Bjinhos!!

    Semana linda pra vc!!

    ResponderExcluir
  5. Vc anda inspirada! Seus textos são sempre muito tocantes! Parabéns!

    ResponderExcluir
  6. Tenho uns selinhos pra vc! Passa lá depois! Bjo

    ResponderExcluir
  7. Muito, muito lindoo!!!
    Belo texto!
    Vou te seguir ta?! Passa lá no meu também.
    Adorei esse seu texto *-*
    beijos

    ResponderExcluir
  8. Larii (♥) Querida, como fiquei feliz por ter visto seu belo comentário lá no meu espaço. Agradeço intensamente.
    A os títulos são os piores para conseguir, rs'
    Obrigado por - me desejar sucesso, pois bem moça linda, seu espaço aqui é inteiramente lindo, muito mesmo, a cada postagem fico mais encantada com suas palavras, sentimentos. As vezes começamos a ler um texto e do nada fica chato, e daí paramos por ai, mais o seu.. não sei é dificil de descreve - lo cada post você trás a realidade ao nossos olhos. É muito bom ler textos assim, da para uma ótima escritora, já pensou nisso?

    Seu texto teve haver comigo, sempre busco uma coisa, e quando a consigo, ainda me falta algo, algo que não se descreve, que não da p. saber ...

    ótima semana para você, felicidades, e parabéns pelo texto.

    :)

    ResponderExcluir
  9. OMG! (15x) esse blog tá desesperadamente lindo! (: Lari, perdoa o meu sumisso, eu prometo que ainda vou ler todos esses teus posts maravilhosos que eu nunca mais li :T é que no fim das férias o meu computador quebrou, hoje eu consegui fazer uma engenhoca aqui e vim só pra dar uma olhadinha :T Mas o terceiro ano é uma doença, ainda bem que tem prazo de validade. :D Beeijos mocinha, escreva muito pra eu ler quando tiver tempo (: fica bem, boa semana

    ResponderExcluir
  10. Lindo texto!
    Fica com Deus.

    http://naobastaexistir.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Não vá embora ainda. Divida algo comigo. E obrigada por chegar até aqui! :)