Não se permita endurecer

by - fevereiro 28, 2011

As circunstâncias da vida muitas vezes nos levam a trilhar caminhos que antes consideraríamos impossíveis de percorrer. Está sendo assim comigo e com muita gente ao meu redor. Aos poucos, as rodas gigantes e balões coloridos da infância vão sendo substituídos por montanhas-russas e maçãs do amor. A gente vive basicamente pelo amor e pelo trabalho. Porém, ambas as areas nos decepcionam muito facilmente, pois são aquele tipo de coisa imprevisível, que depende da gente, mas depende muito de outras pessoas.
O que eu quero dizer com isso tudo e com o título é que mesmo quando a cobrança vem com juros e correção, mesmo quando a vida bate forte, faz a gente chorar e suar, não se pode permitir endurecer. Pela nossa própria natureza e de acordo com a lei da ação e reação, a gente devolve aquilo que recebe na mesma proporção. Por isso, não se deixe violar pelas forças que agem sobre você, não se enclausure dentro de si mesmo ou da vida que se apresenta pela janela.


Se o amor acabou, parte pra outra. Se precisa de tempo, paciência. Se a maré tá boa, continua remando. Sei que não é tão simples quanto escrevo, mas pode ser menos complicado do que a nossa cabeçinha faz parecer. Ao enxergar um obstáculo não use lentes de aumento, pois assim ele vai te atingir numa intensidade bem maior do que com a qual você luta com ele. Mas se você quer ganhar essa batalha siga meu conselho: não endureça. Antes um coração de carne, que sangra e bate do que um pedaço de pedra que só ocupa espaço.

You May Also Like

5 comentários

  1. "Preciso voltar a escrever, sem as palavras, minha vida não faz muito sentido."

    É incrível como escrever nos faz traduzir certos sentimentos não é Lari? Antes de ler esse seu post, eu estava aqui estudando sociologia: O "jeitinho" brasileiro. E esse seu papo de inércia casou totalmente. Mas nos dias de hoje, vemos pessoas que não tem sorte no lado profissional - porque não a buscam -, e nem tem sorte no amor, por qualquer consequência desconhecida. Se algum azarado pode ter azar no jogo e no amor, porque não podemos plantar frutos pra termos sorte no jogo e no amor?

    #faleidemais :B beeijos Lari, boas sortes :D

    ResponderExcluir
  2. Lariii seu post de hj foi bem parecido c o meu, parece que estamos na msm sintonia!!!
    Jamias podemos nos deiuxar endurecer!!
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Conheço muitas pessoas que se endurecem por acharem que estão se protegendo, mas a verdade é que se aprisionam e se tornam ainda mais amargas. Eu prefiro ter mesmo o "coração de carne, que sangra e bate", porque 'Se chorei ou se sorri, o importante é que emoções eu vivi'.

    Beijos carinhosos.
    Sucessos!!!

    ResponderExcluir
  4. Isso é a total verdade... faz bem fazer o coração bater mais depressa vez em quando =)

    Abraços!!

    ResponderExcluir
  5. Nossa, amei o texto, muito perfeito, como tudo aqui é. Caprichosamente, soube usar as palavras certas:
    Parabéns

    ResponderExcluir

Não vá embora sem deixar sua marca no meu universo.